Tendências Pedagógicas para 2019

O Innovating Pedagogy 2019 acaba de ser lançado na Europa e apresenta as tendências para a educação nos próximos anos. O documento é produzido pela Open University em Milton Keynes (Reino Unido), em parceria com a Norway’s Centre for Science of Learning & Technology (SLATE).

Dez novas tendências foram divulgadas no texto: Playful learning, Learning with robots, Decolonising learning, Drone-based learning, Learning through wonder, Action learning, Virtual studios, Place-based learning, Making thinking visible e Roots of empathy.

Entre as tendências apresentadas, algumas não são mais novidades por já fazerem parte de outros documentos. Entretanto, outras aparecem pela primeira vez e devem ser analisadas pelas instituições de ensino.

O uso de Drones e a aprendizagem através de novidades/surpresas devem ser estudadas e testadas nas instituições de ensino a fim de serem validadas. A empatia , a descolonização, o uso de jogos e robôs, a aprendizagem ativa, assim como a aprendizagem baseada no espaço/lugar já apareceram como tendências e já foram validadas por pesquisadores e professores, permitindo instigantes trilhas de aprendizagem e favorecendo uma melhor aprendizagem. Por fim, quando os estudantes podem visualizar seus pensamentos através das definições de metas e resoluções de problemas, a construção do conhecimento passa a ter mais sentido.

A seguir os documentos que foram lançados nos últimos anos.

Um comentário em “

  • 15 de janeiro de 2019 em 13:20
    Permalink

    Muito boas as tendências, trazendo cada vez mais formas de aprender frente aos grandes desafios da aprendizagem no nosso século. Action learning é uma tendência exemplo para superar esses desafios da modernidade, vejo também que ela se aproxima da PBL, ambas são caminhos muitos pertinentes para aprender e se desenvolver como ser humano.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *